Condutores,

estava aqui lembrando de minhas dificuldades nas aulas de direção e cheguei a conclusão que no começo a maioria dos alunos de autoescola assim como a maioria dos habilitados que não dirigem tem a impressão de que o carro é um cavalo chucro que precisa ser domado. Parece que o carro tem vida própria, que vai sair disparado com a gente dentro ou que não vai obedecer aos nossos comandos.

Prá falar a verdade, é daí que vem grande parte de nossa ansiedade e inseguranças na fase de aprendizagem e na fase de começar a adquirir prática de direção: a falta de controle dos pedais do carro. Pensem bem: um carro popular pesa em média 1,5 toneladas e o motorista, independente do peso, da altura ou da força domina esse pesadão só com os pedais. Portanto, dominar a pisada no pedal de embreagem achando o ponto ideal é o segredo, a manha, a estratégia para dominar o carro e as inseguranças e medos de principiante.

Isso porque a partir do momento em que dominarmos os pedais do carro ele passa a nos obedecer e a comer na nossa mão: não morre mais quando vamos parar o carro, não morre mais nas saídas, nos semáforos, não morre mais nos cruzamentos, aprendemos a reduzir com tranquilidade e com aquela certeza de que o carro vai nos obedecer em qualquer situação. 




Dominar a pisada nos pedais do carro nos dá a segurança necessária, inclusive emocional, para continuarmos a avançar no domínio dos outros comandos, principalmente na aprendizagem da ladeira ou rampa. Uma coisa que todo motorista em formação ou já habilitado tem que entender é que na autoescola tudo é muito rápido: temos de aprender depressa, a aprendizagem ainda é superficial, não tem como aprofundar, pois o aprofundamento das aprendizagens para dirigir depende dos treinos, do quanto a gente se empenha, se esforça para treinar e aperfeiçoar.

Querer que um aluno saia da autoescola sabendo tudo é acreditar numa coisa que não existe: conhecimento acabado, concluído, pronto, do tipo "aprendeu tudo que tinha para aprender" e isso não é verdade, não existe. Vejam um médico que se forma: ele passa 6 anos na faculdade, depois mais 2 fazendo residência, depois se escolhe uma especialidade tem de estudar mais alguns anos aquela especialidade.

Nos formamos na faculdade e se nós não continuarmos com as pós-graduações, com as especializações, se não continuarmos nos atualizando e estudando não vamos conhecer com profundidade a nossa área. Pois é, dirigir é a mesma coisa: sai da autoescola tem que continuar aperfeiçoando as técnicas de dirigir, os fundamentos, as técnicas de direção defensiva.

Uma coisa é certa: se você quer mesmo dirigir tem que aprender logo de cara a dominar os pedais do carro, principalmente a embreagem, pois ela é a base de tudo. Por mais que muita gente pense que sabe dirigir porque sabe fazer o carro andar em linha reta, uma hora ele vai ter de parar esse carro, dominar esse carro com baixa velocidade, manobrar, fazer conversões e aplicar uma série de comandos que não treinou. E aí como fica?

Quer ver seu medo ir embora? domine a meia embreagem, a base de tudo.

Quer acabar com o sofrimento, com a insegurança, com a angústia e se sair cada dia melhor no ato de aprender a dirigir? domine a meia embreagem, a parada e a saída com o carro, domine comando de rampa e ladeira, domine o monstro-mestre e os demais monstrinhos ficarão sem líder.

Bons treinos, dominem a embreagem e comece a dominar seus medos e inseguranças.

1 comentários:

  1. Fiquei 3 anos sem dirigir e agora adiquiri meu primeiro carro.
    Talvez se não tivesse ficado tanto tempo parada, não tivesse tanto medo, mas hoje tenho receio principalmente de ladeiras.
    Morro de medo só de pensar no carro apagar e aquela fila enorme atrás de mim na ladeira.
    Lendo esses artigos me dá um ânimo a mais. Tenho fé que irei conseguir. :)
    Marlene

    ResponderExcluir

Fique à vontade para comentar essa postagem! Comentários desrespeitosos e ofensivos serão removidos.

 
Topo